Home / Handebol / Brasil vence a segunda no mundial e mantém as chances de classificação
Foto: Divulgação/CBHb

Brasil vence a segunda no mundial e mantém as chances de classificação

O Brasil superou o Japão na terceira partida disputada no Mundial da França por 27×24.

Contra a equipe que tem como padrão o jogo veloz, o Brasil enfrentou dificuldades durante todo o jogo mas se manteve à frente do placar.

Mais uma vez o Brasil contou com a importante colaboração do goleiro Maik que fez a torcida vibrar com boas defesas.

Como já era de se esperar, Zé Guilherme recebeu atenção especial da marcação japonesa, mas mesmo assim o armador conseguiu converter cinco gols. O Brasil passou a utilizar mais as bolas de ponta para superar os japoneses.

O Brasil esteve melhor no início do segundo tempo, conseguindo abrir quatro gols de vantagem nos primeiros minutos. Os japoneses voltaram a imprimir o seu ritmo de jogo, trazendo dificuldades para o Brasil, mas a seleção comandada por Washington Nunes se manteve à frente no placar até o final do jogo colocando em prática as jogadas programadas.

O armador Haniel Lângaro mais uma vez teve um bom aproveitamento nos chutes de nove metros, convertendo oito gols. Haniel foi escolhido o melhor do confronto.
O Brasil ainda tem dois confrontos pela primeira fase do Mundial. Enfrentará a Noruega na terça-feira (17) e a Rússia na quinta-feira (19).
Gols do Brasil – Haniel (8), Chiuffa (6), José Guilherme (5), João Pedro (4), Tchê (3) e Cleryston (1).
Jogos do Brasil na primeira fase: Grupo A
Quarta-feira (11)
França 31 x 16 Brasil
Sábado (14)
Brasil 28 x 24 Polônia
Domingo (15)
Brasil 27 x 24 Japão
Terça-feira (17)
11h – Noruega x Brasil
Quinta-feira (19)
11h – Rússia x Brasil
Seleção Brasileira
Goleiros – César Augusto de Almeida ‘Bombom’ (OIF Arendal-Noruega) e Maik Santos (AL-Rayyan-Qatar).
Armadores – Gabriel Ceretta Jung (FC Barcelona-Espanha), Haniel Lângaro (BM Naturhouse La Rioja-Espanha), José Guilherme de Toledo (Orlen Wisla Plock-Polônia), Oswaldo Maestro Guimarães (Anaitasuna-Espanha), Thiago Alves Ponciano (BM Ciudad Encantada-Espanha) e Thiagus Petrus Gonçalves dos Santos (Mol-Pick Szeged-Hungria).
Centrais – Henrique Teixeira (CB Huesca-Espanha) e João Pedro Francisco da Silva (Chambery Savoie Handball-França).
Pontas – Cleryston David Cordeiro Novais (ADJF/Independência Trade-MG), Fábio Chiuffa (KIF Kolding Kobenhav-Dinamarca), Guilherme Torriani (Vegus/Guarulhos-SP) e Lucas Cândido (BM Guadalajara-Espanha).
Pivôs – Alexandro Pozzer (Fertiberia Puerto Sagunto-Espanha) e Rogério Moraes (WC Vardar-Macedônia) .
Comissão técnica
Técnico: Washington Nunes
Assistente técnico: Hélio Lisboa Justino
Treinador de goleiros: Diogo Castro
Preparador físico: Fernando Millaré
Fisioterapeuta: Gustavo Barbosa
Supervisor: Cássio Marques

One comment

  1. Nous n’avons pas encore sorti de nous ce vieux démon de l&vƒ;uoqÃs©rolution qu’est la prédation.Pensons aussi au 1 700 000 000 animaux qui tous les ans sont tués dans des abattoirs, souvent de manière sauvage ,pour satisfaire nos besoins alimentaires.Notre image ne sort pas grandi de tout cela.Nous sommes encore des sauvages qui aimons la sauvagerie!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.